• Vamos Conversar?

    Precisamos falar sobre ela, a depressão

    depressao
    Sorrateiramente ela foi chegando, fria e gélida se instalando.
    Parecia um desânimo, um cansaço generalizado, e vontade de dormir, só dormir.
    Sair com os amigos? Desculpem, mas não tenho ânimo pra isso.
    Fazer o cabelo, unha ou se maquiar pra quê? Sem ânimo também.
    Levantar da cama se tornou uma tortura, nunca o lençol pareceu tão pesado como agora.
    Falando em peso, parece que o peso do mundo caiu sobre mim.
    E a angústia no peito que parece sufocar?
    Solidão.
    Lá fora o sol brilha mas aqui dentro só existe escuridão.
    Buscar ajuda? Mas o que vão pensar de mim? O que vão falar de mim que sempre fui forte?
    Logo eu que sempre ajudei a todos não posso ficar assim, afinal nem tenho motivos pra estar desse jeito.
    Mas é tão desgastante viver assim, tão cansativo…
    Esse pequeno texto foi feito pra representar um pouquinho do que é esse monstro que a gente ainda tem tanto medo de falar e ainda há tanto preconceito ou tabu: a depressão.

    Infelizmente ela tá aí, e às vezes pode estar mais perto do que pensamos, em um amigo, um familiar, ou até mesmo em nós.
    Não é fácil reconhecê-la, a gente nunca quer acreditar que foi pego por ela.
    Esconde de um, sorri pro outro, finge que tá tudo bem, mas por dentro só a gente sabe como é conviver com uma angústia do tamanho do mundo.
    Ah, se pudessem enxergar a tristeza além do sorriso nas fotos, né?! 
    Talvez o mais difícil seja reconhecer e pedir ajuda.
    A gente sempre quer passar uma imagem de forte, de autossuficiente, de quem tem o controle de tudo, mas não é bem por aí, sabemos.
    A depressão muda nossa percepção de nós mesmos, nos faz sentir enfraquecidos, abatidos, sem vontade de fazer até o que mais gostávamos.
    E eu sei que esse é um espaço de moda, mas como Consultora de Estilo sei que moda ou estilo vai muito além de roupas, começa de dentro.
    Muitas pessoas entram em depressão por não gostarem do que enxergam no espelho, por se sentirem pressionadas pela sociedade por não ter um corpo de acordo com padrões.
    Já parou pra pensar no quanto os padrões de beleza impostos podem deprimir?
    Já pensou que a menina que sofre bullying por ser gorda pode chegar a uma depressão devido comentários maldosos e preconceituosos?
    Depressão não é frescura e tá longe de se ter pré-requisitos para ser alcançado por ela. Não importa se você é rico, pobre, adolescente ou adulto, religioso ou não, um dia ela pode bater na sua porta.
    Você não é mais ou menos forte por isso.
    Não se engane, ela nos faz acreditar que é o fim, mas pode crer, existe vida além dos dias escuros e sombrios da depressão. É possível sorrir novamente,ser feliz outra vez. Ela vai te fazer acreditar que não, mas é possível. 
    setembro-amarelo
    Buscar ajuda não é sinal de fraqueza,talvez seja o primeiro passo para a cura. Não tenha vergonha de conversar com alguém sobre isso, procure alguém esclarecido que possa te compreender.
    O que você está sentindo não é besteira. Há um monte de pessoas com problemas maiores, sabemos, mas isso não diminui o que você está sofrendo.
    E se você perceber sinais de depressão em alguém ou vive com uma pessoa que enfrenta isso, seja compreensivo, evite cobranças e entenda que ela não está assim porque quer. A depressão é uma patologia também, pode ter raízes emocionais ou até alterações hormonais, mas nunca é algo fútil ou boboÉ preciso ajuda para sair dela, ajuda profissional. Assim como quando estamos com dor de dente vamos ao dentista,com depressão é necessário auxílio de um psicólogo ou psiquiatra.
    Nem sempre uma pessoa depressiva quer conselhos ou textões, às vezes só um abraço ou sua presença já é o suficiente. E, por favor, evite frases como “você precisa sair”,”isso é falta de beijo na boca”, “você não acredita em Deus?”, ou ainda “tanta gente com problemas maiores e você chorando a toa?!” comentários assim não ajudam, só aumentam o sofrimento.
    Olhe para quem está do seu lado, preste atenção, dê atenção, pessoas se suicidam todo dia por causa desse monstro que ainda temos tanto medo de falar. Mas não há outra forma de vencê-lo senão falando sobre isso. É preciso acolher o outro, sem questionamentos, julgamentos ou frases prontas.

    Precisamos falar sobre depressão. Precisamos falar que há vida além dela.

    Achei alguns textos interessantes sobre o tema também:

    Precisamos Falar sobre depressão | MHM

    Precisamos falar sobre depressão e suicídio | AzMina

    Precisamos falar sobre depressão | Futilidades

    Esse texto é uma iniciativa do Setembro Amarelo – campanha voltada a se falar e combater o suicídio. Se você precisa de alguma ajuda ou conversar com alguém ligue 188 (CVV), caso queira disponibilizo também meu e-mail (contato@modaeconsciencia.com) ou redes sociais para conversas ou desabafo. ♥ 

     

    Share
  • Você também pode gostar de:

    No Comments

    Comenta aí! ;)